Guia de conversação

px Passado 1   »   el Παρελθoντικός χρόνος 1

81 [oitenta e um]

Passado 1

Passado 1

81 [ογδόντα ένα]

81 [ogdónta éna]

Παρελθoντικός χρόνος 1

[Parelthontikós chrónos 1]

Você pode clicar em cada espaço em branco para ver o texto ou:   
Português (BR) Grego Tocar mais
escrever γρ--ω γράφω 0
gr---ōgráphō
Ele escreveu uma carta. Αυ--- έ----- έ-- γ-----. Αυτός έγραψε ένα γράμμα. 0
Au--- é------ é-- g-----.Autós égrapse éna grámma.
E ela escreveu um postal. Κα- α--- έ----- μ-- κ----. Και αυτή έγραψε μία κάρτα. 0
Ka- a--- é------ m-- k----.Kai autḗ égrapse mía kárta.
ler δι----ω διαβάζω 0
di----ōdiabázō
Ele leu uma revista. Αυ--- δ------ έ-- π--------. Αυτός διάβασε ένα περιοδικό. 0
Au--- d------ é-- p--------.Autós diábase éna periodikó.
E ela leu um livro. Κα- α--- δ------ έ-- β-----. Και αυτή διάβασε ένα βιβλίο. 0
Ka- a--- d------ é-- b-----.Kai autḗ diábase éna biblío.
pegar πα---ω παίρνω 0
pa---ōpaírnō
Ele pegou num cigarro. Αυ--- π--- έ-- τ------. Αυτός πήρε ένα τσιγάρο. 0
Au--- p--- é-- t------.Autós pḗre éna tsigáro.
Ela pegou num pedaço de chocolate. Αυ-- π--- έ-- κ------ σ-------. Αυτή πήρε ένα κομμάτι σοκολάτα. 0
Au-- p--- é-- k------ s-------.Autḗ pḗre éna kommáti sokoláta.
Ele foi infiel, mas ela foi fiel. Αυ--- ή--- ά------ α--- α--- ή--- π----. Αυτός ήταν άπιστος αλλά αυτή ήταν πιστή. 0
Au--- ḗ--- á------ a--- a--- ḗ--- p----.Autós ḗtan ápistos allá autḗ ḗtan pistḗ.
Ele era preguiçoso, mas ela trabalhava muito. Αυ--- ή--- τ------- α--- α--- ή--- ε-------. Αυτός ήταν τεμπέλης αλλά αυτή ήταν επιμελής. 0
Au--- ḗ--- t------- a--- a--- ḗ--- e-------.Autós ḗtan tempélēs allá autḗ ḗtan epimelḗs.
Ele era pobre, mas ela era rica. Αυ--- ή--- φ----- α--- α--- ή--- π------. Αυτός ήταν φτωχός αλλά αυτή ήταν πλούσια. 0
Au--- ḗ--- p------- a--- a--- ḗ--- p------.Autós ḗtan phtōchós allá autḗ ḗtan ploúsia.
Ele não tinha dinheiro, só dívidas. Δε- ε--- κ------ χ------ α--- χ---. Δεν είχε καθόλου χρήματα αλλά χρέη. 0
De- e---- k------- c------- a--- c----.Den eíche kathólou chrḗmata allá chréē.
Ele não tinha sorte, só azar. Δε- ε--- κ------ τ--- α--- α-----. Δεν είχε καθόλου τύχη αλλά ατυχία. 0
De- e---- k------- t---- a--- a------.Den eíche kathólou týchē allá atychía.
Ele não tinha sucesso, só insucesso. Δε- ε--- κ------ ε------- α--- α-------. Δεν είχε καθόλου επιτυχία αλλά αποτυχία. 0
De- e---- k------- e-------- a--- a--------.Den eíche kathólou epitychía allá apotychía.
Ele não estava satisfeito, mas insatisfeito. Δε- ή--- ε------------- α--- δ-------------. Δεν ήταν ευχαριστημένος αλλά δυσαρεστημένος. 0
De- ḗ--- e-------------- a--- d-------------.Den ḗtan eucharistēménos allá dysarestēménos.
Ele não estava feliz, mas infeliz. Δε- ή--- ε----------- α--- δ------------. Δεν ήταν ευτυχισμένος αλλά δυστυχισμένος. 0
De- ḗ--- e------------ a--- d-------------.Den ḗtan eutychisménos allá dystychisménos.
Ele não era simpático, mas antipático. Δε- ή--- σ----------- α--- α------------. Δεν ήταν συμπαθητικός αλλά αντιπαθητικός. 0
De- ḗ--- s------------ a--- a-------------.Den ḗtan sympathētikós allá antipathētikós.

Como as crianças aprendem a falar corretamente

Mal uma pessoa nasce, começa a comunicar-se com os seus congêneres. Os bebês gritam quando querem alguma coisa. Com apenas alguns meses já conseguem dizer algumas palavras. Com dois anos já conseguem dizer frases com três palavras. Quando as crianças começam a falar, não se pode influenciá-las. No entanto, pode-se influenciar o modo como elas aprendem a sua língua materna! Para tal, é preciso, no entanto, ter em mente algumas coisas. O mais importante é que a criança esteja sempre motivada. A criança deve dar-se conta de que pode realizar algo através da fala. Os bebês adoram receber um sorriso como feedback. As crianças mais velhas procuram estabelecer um diálogo com o seu ambiente. Elas orientam-se pela língua dos adultos ao seu redor. É, por esta razão, que o nível linguístico dos pais e dos educadores é importante. Também é preciso que as crianças percebam que a língua é algo valioso! Durante todo o processo, devem sempre se divertir. A leitura em voz alta ensina às crianças como uma língua pode ser apaixonante. Por isso, sempre que possível, os pais deviam fazê-lo com os seus filhos. Quando uma criança tem experiências novas, sente vontade de compartilhá-las. As crianças com uma educação bilíngue precisam de regras fixas. Devem saber qual a língua deve ser usada para falarem com uma determinada pessoa. Para que o seu cérebro aprenda a diferenciar as duas línguas. Quando as crianças vão para a escola, a sua linguagem transforma-se. Aprendem um registo mais coloquial da sua língua. É importante que os pais prestem atenção ao modo de falar do seu filho. Estudos mostram que a primeira língua molda o cérebro para sempre. O que aprendemos quando somos crianças, acompanha-nos para o resto da vida. Quem aprendeu muito bem a sua língua materna, quando ainda era criança, irá beneficiar-se disso mais tarde. Será capaz de aprender mais rápido e melhor - e não apenas as línguas estrangeiras...